Anúbis

 

  É o deus do embalsamamento e guardião das necrópoles. Na mitologia egípcia, Anúbis foi quem embalsamou o deus Osíris (que aparece mumificado em suas representações). Sua principal função era de preparar a múmia para a viagem ao submundo. Um dos deuses mais antigos do panteão egípcio e geralmente representado com cabeça de chacal ou cachorro. Sua primeira aparição remonta aos textos das pirâmides, onde era o deus supremo dos mortos, com o passar dos tempos essa função foi cedida a Osíris.

Nas mumificações reais, os sacerdotes usavam uma máscara de chacal simbolizando o deus do embalsamamento.No Livro dos Mortos, Anúbis aparece conduzindo o morto até o julgamento de Osíris e é ele quem opera as medições na balança, que decidia se o morto tinha um coração mais leve do que a pena da deusa Maat. Muitos cães foram encontrados mumificados em homenagem ao deus Anúbis.

Há muitos mitos em relação a Anúbis e quem seria sua família. Talvez o mais popular seja o que mostra ele como filho de Osíris e tendo como mãe a deusa Néftis (se passando por Ísis ou embebedando Osíris para gerar o filho) e quando Ísis teria descoberto, acabou indo atrás da criança que virou posteriormente seu protetor. Há também versões que diz que Anúbis seria filho de Seth ou de Rá. Anúbis teve um lugar de destaque na tumba do faraó Tutankhamon. Uma estátua do deus em forma de chacal foi encontrada por Howard Carter quando a tumba foi aberta.

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *